quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Denúncia! Gravissimo vazamento de esgôto no Parque Central

2 comentários:

Francisco disse...

Lançamento de esgoto
Os materiais orgânicos presentes no esgoto (excrementos etc.) nutrem as bactérias aeróbias decompositoras. Por serem aeróbias, consomem o oxigênio diluído na água, podendo matar por asfixia a fauna ali existente (principalmente os peixes). Juntamente com essas bactérias, podem existir ou não os agentes patogênicos: vermes , etc.), protozoários (giárdias e amebas, etc.), vírus (hepatite etc.) e bactérias (leptospirose, cólera, febre tifóide etc.).
Como as bactérias aeróbias continuam a se multiplicar, e se a poluição continua elevada, a certa altura elas próprias morrem asfixiadas por esgotamento do oxigênio dissolvido na água, sendo substituídas então por um novo tipo de bactéria: as bactérias anaeróbicas, que não necessitam de oxigênio, exalando do metabolismo substâncias de muito mau cheiro, como o gás sulfídrico, que possui um odor típico de ovos podres, insuportável em certos rios, como o Tietê, o Tamanduateí e o Pinheiros na cidade de São Paulo e o Canal do Mangue, no Rio de Janeiro.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre

Mauricio disse...

SALVEM O PLANETA

Em 24/Julho/2007 (Estado de Minas de 26.7.07), o papa Bento XVI, em uma reunião com 400 padres em seu retiro situado em Lorenzago di Cadore, disse que a humanidade precisa ouvir a voz da Terra, SE QUIZER SALVÁ-LA DA DESTRUIÇÃO. Com a autoridade de sua posição, declarou textualmente: "Não podemos simplesmente fazer o que desejamos com essa nossa Terra, que nos foi confiada".

Em 2/setembro/2007 (Estado de Minas de 3.9.07), em Loreto, nas tradicionais festividades promovidas anualmente em defesa da Criação, pediu aos governantes mundiais que tomem medidas corajosas para salvar o planeta e exortou os jovens a serem humildes e a viver de modo exatamente contrário ao que o capitalismo propõe. Textualmente, acrescentou: "Salvem o planeta antes que seja tarde demais".

É interessante observar-se que, enquanto as visitas do papa aos países são amplamente divulgadas, multidões viajam de longe para recepcioná-lo e render-lhe respeito e obediência, e suas palavras ecoam como mensagens divinas, quando sua santidade se manifesta sobre o assunto máximo (porque vital), ninguém, mas ninguém mesmo, lhe dá qualquer importância.

Isso é para ser pensado, pensado e pensado. Isso pede uma análise.